Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2011

COM RAIVA DO OUTRO?

¨... ele me bateu, me feriu, me xingou, me magoou, me ignorou, me traiu, ...¨O outro me fez isto, me fez aquilo,...¨. O pensamento que lhe vem a cabeça é de:   ¨puxa, sou tão legal, me esforço tanto e porque fulano e beltrano agem assim?¨ Como podem eles não ver, ouvir e perceber o que eu percebo? Não há como negar que durante os relacionamentos que se tem durante o dia e alguns que duram uma vida inteira, que esta proximidade não tira você do sério, não o inferniza e acaba com a sua paz de espírito.Uma conversa que não tem fim. Isto acontece porque o outro decide e age conforme seus próprios parâmetros, crenças, pensamentos e experiências internas e que são diferentes daquilo que as suas expectativas esperam dele. As pessoas são diferentes de você em todos os sentidos pois tiveram uma história pessoal própria e em conformidade com ela conduzem todas as suas ações durante a vida. Como um mapa onde as ruas, estradas e rotas conduzem a decisões e ações coerentes com sua história. O outr