O APEGO GERA SOFRIMENTO

Como pode o apego gerar sofrimento? Como posso viver se não me apegar as coisas? Corro o risco de ficar apático a vida pela falta de apego?

O apego é uma forma de tentar manter as coisas como estão, mantê-las para si, querer que sejam eternas e que não sofram mutação.  Tarefa impossível e por ser impossível, gera sofrimento.

Todas as coisas no mundo são impermanentes, isto quer dizer, tem dia e hora para acabar. Estão em constante mudança e seguem o fluxo natural de sua existência.

Quando uma pessoa se apega a uma situação, a um evento em sua vida, ela passa a pensar, sentir e agir com foco nesta situação. A sensação que ela tem é que ela foi raptada por este algo. Seus pensamentos, ações, emoções giram em torno do fato ocorrido e ela não consegue se libertar.

É muito fácil se apegar aos momentos, objetos, amores e a não querer que estes acabem. Queremos manter a felicidade, que ela não vá embora afinal, demorou tanto a chegar. É neste momento que aparece o Apego e o sofrimento aparece pelo simples fato de se pensar que irá acabar. Como fazer para não acabar, não é justo que acabe, quando, onde, como e porquê emergem na mente e o sofrimento começa.

Também conhecemos pessoas que se apegam as suas doenças, infelicidade, emprego, aos bens materiais, ao se corpo, a religião, aos relacionamentos, etc, tentando em vão mantê-los sem alterações.

O segredo é Pensar, Amar, Sentir, Agir e Viver no momento em que a situação ocorre. Aproveitar a alegria, sentir a tristeza, mas permitir que elas assim como vieram possam partir. Permitir o fluxo de começo, meio e fim de tudo e estar atento mentalmente para perceber quando você se apegou a algo e conscientemente tomar a decisão de permitir o fim para que um novo começo possa existir.
Assim como Apego é sinônimo de Sofrimento, Desapego é sinônimo de Liberdade.



Consultório em Curitiba

Dra Ana Claudia de Lima – Terapias de Vanguarda

Florais de Bach, PNL, Terapia do Inconsciente Metafórico,
Iridologia Comportamental, Terapia da Árvore Familiar,
Referencial de Nascimento,  Ressignificação Corporal

Postagens mais visitadas deste blog

USO DO TARÔ PARA FINS TERAPÊUTICOS ATRAVÉS DA TÉCNICA FRANCESA: ¨REFERENCIAL DE NASCIMENTO¨

A ZONA DE CONFORTO NOS IMPEDE DE AVANÇAR